Revista nº 195 || Novos Materiais e Tecnologias

Revista nº 195 ||
Dossier Novos Materiais e Tecnologias [
PDF || Versão Completa]

Revistas anteriores

Caro e Ilustre Colega,

Agora sim, já se vê luz ao fundo do túnel! A vacinação está a avançar ao ritmo possível, os mais velhos estão protegidos, os mais novos são menos suscetíveis do ponto de vista de necessidades de cuidados hospitalares e assim parece mais próximo o regresso a uma certa normalidade.

Haverá certamente consequências desta crise de saúde pública, consequências económicas, sociais e ambientais, ainda não é muito claro o novo normal, mas é consensual que há mudanças inevitáveis.

Para o nosso sector, as mudanças são várias e já saltam à vista: a crescente importância do conforto das nossas casas, de um estilo de vida mais sustentável, menos consumo energético, mais equilíbrio com a natureza. Mas as nossas empresas também sentem a necessidade de aprofundar a digitalização, estar próximo do cliente 24 horas, nas redes sociais, no canal online, maior especialização e diferenciação das nossas equipas para satisfazer um cliente mais conhecedor e agora com mais tempo e com mais informação digital disponível.

Por outro lado, o canal digital veio abrir autoestradas diretas e sem portagens, permitindo a muitas empresas ligar-se aos consumidores, particulares ou profissionais. É uma transformação silenciosa, diferente das que estávamos habituados a sentir.

Quanto ao futuro, sou moderadamente otimista, nós fazemos parte dele, nós os comerciantes, nós a Associação dos Materiais de Construção. E fazemos parte desse futuro porque nos estamos a adaptar, estamos a modernizar as nossas organizações, nomeadamente estamos a incorporar nos nossos processos novas tecnologias que nos permitem fazer melhor, com mais rapidez, com menos custos.

Também sou moderadamente otimista porque todos sabemos que quem sobrevive é naturalmente mais forte, mais rápido, mas há um aspeto que sou obrigado a realçar: SOBREVIVE MELHOR QUEM COOPERA.

A nossa associação é uma prova dessa cooperação, o associativismo. Aliás, a APCMC é um modelo de associativismo, sem ser perfeito tem conseguido bons resultados em prol dos seus associados, é também um ponto de encontro, de partilha, e está bem vivo esse espírito.

É com orgulho que vejo esta Direção terminar mais um mandato dedicado a este projeto associativo que é a APCMC. Agradeço aos meus colegas de Direção e aos colegas dos restantes Órgãos Sociais, Assembleia Geral e Conselho Fiscal. Agradeço de modo especial à equipa da APCMC, que todos os dias está à disposição dos Caros Colegas e das suas equipas, mas também pelo sucesso na adaptação constante aos desafios de mudança com que se depara para sobreviver num ambiente por vezes tão adverso.

Tenho muita confiança no futuro deste projeto de cooperação que é a nossa Associação.

Muito Obrigado!

Revista nº 195 ||
Dossier Novos Materiais e Tecnologias [
PDF || Versão Completa]Revistas anteriores