Norgarante – Newsletter junho 2020

O país não pode esperar mais e as empresas necessitam de retomar a normalidade. Se ao Estado português cabe a responsabilidade de promover a retoma, tendo para tanto mobilizado mais de 4.200 milhões de euros para executar o Programa de Estabilização Económica e Social, às empresas e aos empresários cabe o papel de ativadores da economia, ainda que cumprindo novas, e prudentes, regras de gestão de equipas e de higiene.

Consulte aqui informação completa