Boletim Conjuntura CCP – 3º trimestre 2019

O Fechar de um ciclo

Os últimos anos (mais ou menos coincidentes com o período da anterior legislatura) foram marcados pela saída da crise, em que o que estava em causa era inverter os indicadores económicos que tinham registado uma quebra acentuada devido às políticas de contenção financeira dos chamados anos da «troika».

A recuperação destes indicadores fez-se pela conjugação de duas dinâmicas: a resultante de um crescimento da procura externa após a crise financeira internacional de 2007 e a de um crescimento da procura, vulgarmente designada de «recuperação dos rendimentos das famílias». E teve ainda um factor coadjuvante essencial, que foi o da estabilização dos mercados financeiros em resultado da «política Draghi» do BCE, com uma contracção dos juros e a criação de liquidez monetária, o que permitiu acomodar uma elevada dívida pública através de um serviço da mesma com juros historicamente baixos.

Boletim Conjuntura CCP – 3º trimestre 2019 – PDF || versão completa